furacão

Eu não sei se isso acontece com todo mundo, mas de um tempo pra cá eu tenho ficado tão, mas TÃO, inquieta...

A rotina do mestrado tem me incomodado, morar com os meus pais mais ainda.

Tô precisando de um canto só meu, com a cozinha do meu jeito, as paredes com as cores que eu escolher.. um canto que fosse um refúgio e ao mesmo tempo que fosse a minha cara. Que falasse por mim e sobre mim.

Um quarto com uma arrumação diferente, com coisas que nem vendem aqui no país, uma organização mais clean.. meus livros em destaque, meus enfeites.. sei lá. Já tenho um mundo de idéias no meu pc que estão apenas esperando o momento de serem colocadas em prática.

Acho que todo mundo uma hora resolve sair de casa e a minha hora mais que chegou.

Eu conviveria muito melhor com meus pais se eu não morasse com eles e só o fato de ter a minha paz no meu canto não teria preço...

O argumento de sempre é que eu não preciso sair de casa porque eu tenho tudo com direito ao namorado dormir no meu quarto sem problemas. Mas eu não tô falando de falta de liberdade, ou de coisas que eu não tenho.

A grande questão é que eu abriria mão de tudo isso pra ter o meu canto, do meu jeito. Mas pra isso preciso trabalhar, terminar o mestrado e juntar uma grana. Porque com a vida de mestrando não tá dando.

Bj bj

1 comentários:

Patricia disse...

pense pelo lado positivo. a sua vida de mestranda está acabando e a miiinhaaaa?!

beijo me liga qdo quiser rachar um apt.

hahaha

=*